Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Curso de Educação Física obtém reconhecimento da habilitação em Bacharelado

Geral

Curso de Educação Física obtém reconhecimento da habilitação em Bacharelado

Geral, Ensino

por Aline de Oliveira Silva publicado: 05/05/2020 09h44 última modificação: 05/05/2020 15h01

Uma nova conquista para o corpo discente e docente do curso de Educação Física, do campus de Paranavaí da Universidade Estadual do Paraná (Unespar). Na última quinta-feira (30), o Conselho Estadual de Educação (CEE) emitiu um parecer que reconhece a dupla habilitação do curso. Com a decisão, fica autorizada a oferta da habilitação em Bacharelado, uma demanda antiga do curso. 

Criada em 1998, até 2004 a graduação era “generalista”, ou seja, os estudantes se formavam como bacharéis e licenciados ao mesmo tempo. Porém, a instituição das Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) de 2005 para os cursos de Educação Física separou as duas habilitações em formações diferenciadas. A partir da publicação do documento os ingressantes passaram a obter somente a habilitação em licenciatura, o que impediu que atuassem como instrutores em academias, treinamentos e outros espaços voltados ao mercado fitness, setor em pleno crescimento. De acordo com os Registros do Conselho Regional de Educação Física do Paraná, a região da Associação dos Municípios do Noroeste do Paraná (Amunpar) conta com mais de 300 academias credenciadas que necessitam de profissionais formados e capacitados para atuarem nesta área.

Segundo explica a diretora de Centro de Ciências Sociais da Saúde, Maria Teresa Martins Fávero, este cenário fez com que a partir de 2014 o colegiado trabalhasse em prol da criação do Bacharelado em Educação Física. Foram vários projetos e consultas ao CEE, à então Secretaria de Ensino Superior, Tecnologia e Inovação (SETI) e ao Conselho Regional de Educação Física, na tentativa de atender a legislação e as demandas da sociedade. Em 2019 o colegiado reformulou o curso, adequando-o às novas DCNs e criando a dupla habilitação. A mudança foi aprovada nos conselhos superiores da universidade e encaminhada para o CEE, que agora emitiu o reconhecimento.  

De acordo com a diretora de centro, a partir do próximo vestibular o curso terá entrada única e a escolha por qual habilitação cursar será realizada pelos acadêmicos a partir do segundo ano. Para os estudantes atuais do curso, está em estudo uma adaptação de currículo, de forma que possam se adequar às novas grades.  

“O parecer favorável é uma grande vitória que não diz respeito apenas à felicidade que estamos sentindo por esta conquista, mas também à oportunidade de poder ofertar, a partir de agora, a formação em Bacharel em uma universidade pública e de qualidade a centenas de alunos que já passaram por aqui e a tantos outros que ainda irão ingressar”, comemora Fávero, acrescentando à conquista a construção da quadra poliesportiva que atenderá o curso

QUADRA POLIESPORTIVA - Outra demanda antiga do curso, a construção da quadra poliesportiva segue a todo vapor. Iniciada em janeiro, a obra é executada pela empresa licitada Triângulo Engenharia, em um investimento de R$ 519.253,94 -  recurso levantado pela Reitoria e pró-reitorias junto à Unidade Gestora do Fundo Paraná (UGF). Ao todo, serão 722,98 metros quadrados de área construída e a previsão é que a obra seja concluída até o fim de junho. 
Além do trabalho em conjunto com o Colegiado e Centro de Área, a Reitoria destaca também o diálogo estabelecido com a SETI, na época representada pelo secretário Décio Sperandio, numa visita ao campus em 2018, quando se comprometeu em atuar em prol tanto da construção da quadra, quanto da adequação do curso.

Acompanhe a Unespar nas redes sociais

www.facebook.com/UnesparOficial

www.twitter.com/UnesparOficial 

Resultado de imagem para instagram www.instagram.com/unespar/

www.youtube.com/unesparaovivo